Mãe de criança com epidermólise bolhosa: um olhar na perspectiva da análise do discurso

Autores

DOI:

10.24276/rrecien2024.14.42.340351

Palavras-chave:

Epidermólise Bolhosa, Pesquisa Qualitativa, Relações Mãe-filho

Resumo

Compreender o cuidado cotidiano de uma mãe de criança com epidermólise bolhosa. Pesquisa qualitativa, amparado na análise do discurso. O sujeito da pesquisa foi uma mãe de criança com epidermólise bolhosa. A entrevista ocorreu no domicílio da criança a de sua família. Foi lançada a questão: “Por gentileza, me fale do seu dia a dia cuidando de uma criança com epidermólise bolhosa”. A entrevista foi gravada e transcrita.  Emergiram cinco categorias, sendo estas, Impacto e surpresa; Dificuldade no diagnóstico; Sentimentos em relação ao filho; A magnitude do problema; Socialização. As cinco foram desmembradas em subcategorias. A espiritualidade se mostrou presente na entrevista. A resiliência foi observada em vários aspectos, presente de forma significativa na vida entrevistada. À análise do discurso, percebeu-se a polifonia, a determinação das condições de produção do discurso, a contradição, a negação, a dispersão do sujeito e as ambiguidades da linguagem.
Descritores: Epidermólise Bolhosa, Pesquisa Qualitativa, Relações Mãe-filho.

 

Mother of a child with epidermolysis bullosa: a look from the perspective of discourse analysis

Abstract: To understand the daily care of a child with epidermolysis bullosa’s mother. Qualitative research, evaluated through discourse analysis. The research subject was the child with epidermolysis bullosa’s mother. The interview took place in the child's home and that of his family. The question was asked: “Please, tell me about your daily life caring for a child with epidermolysis bullosa”. The interview was recorded and transcribed. Five categories were formed, namely: Impact and surprise; Difficulty in diagnosis; Feelings towards the child; The magnitude of the problem; Socialization. The five categories were broken down into subcategories. Spirituality emerged in the interview. Resilience was observed in several ways, present in a relevant way in the interviewee's life. From the perspective of discourse analysis, were noticed the polyphony, the determination of the conditions of speech production, the contradiction, the negation, the dispersion of the subject and the language ambiguities.
Descriptors: Epidermolysis Bullosa, Qualitative Research, Mother-child Relations.

 

Madre de un niño con epidermólisis bullosa: una mirada desde la perspectiva del análisis del discurso

Resumen: Comprender el cuidado cotidiano de una madre de un niño con epidermólisis ampollosa. Investigación cualitativa, apoyado en el análisis del discurso. El sujeto de la investigación fue la madre de un niño con epidermólisis ampollosa. La entrevista se llevó a cabo en la casa del niño y de su familia. Se hizo la pregunta: “Por favor, cuénteme sobre su vida diaria cuidando a un niño con epidermólisis ampollosa”. La entrevista fue grabada y transcrita. Surgieron cinco categorías, a saber, Impacto y sorpresa; Dificultad en el diagnóstico; Sentimientos hacia el niño; La magnitud del problema; Socialización. Las cinco categorías se dividieron en subcategorías. La espiritualidad estuvo presente en la entrevista. La resiliência fue observada en varios aspectos, significativamente presentes en la vida de la entrevistada. In la perspectiva del análisis del discurso, se notó la polifonía, la determinación de las condiciones de producción del discurso, la contradicción, la negación, la dispersión del sujeto y las ambigüedades del lenguaje.
Descriptores: Epidermolisis Bullosa, Investigación Cualitativa, Relaciones Madre-hijo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Araujo BG, Dantas AM, Beserra PJ, Silva KL. Cuidados de enfermagem com crianças e adolescentes com epidermólise bolhosa: revisão sistemática. Acta Paul Enferm. 2023; 36:EAPE03302.

Secco IL, Costa T, Moraes ELL, Freire MHS, Danski MTR, Oliveira DAS. Nursing care of a newborn with epidermolysis bullosa: a case report. Rev Esc Enferm USP. 2019; 53:E03501.

Lima LF, Vasconcelos PF. Epidermólise bolhosa: suas repercussões restritivas na vida diária do paciente. J. Health Biol Sci. 2019; 7(4):423-8.

Hillesheim MCP, Oliveira GS, Paiva AB. Algumas considerações teóricas acerca da análise do discurso e abordagem do procedimento metodológico necessário à realização da análise discursiva. Cad Fucamp. 2021; 20(48):148-66.

Passos ICF. A análise Foucaultiana do discurso e sua utilização em pesquisa etnográfica. Psic Teor e Pesq. 2019; 35:e35425.

Lima DWC, Vieira NA, Gomes MAT, Silveira LC. Historicidade, conceitos e procedimentos da análise do discurso. Rev Enferm UERJ. 2017; 25:e12913.

Fiorin J L, Savioli FP. Para entender o texto: leitura e redação, 16a ed. São Paulo: Ática. 2003.

Dionísio PS, Barbosa IV, Sampaio LRL, Rolim KMC, Seifert SKM, Sousa GR, et al. Development and validation of educational hypermedia for family members and caregivers of people with epidermolysis bullosa. Rev Bras Enferm. 2022; 75(5):e20210856.

Ferreira LS. Discursos em análise na pesquisa em educação: concepções e materialidades. Revista Brasileira de Educação. 2020; 25:e250006.

Freitas IS, Santos JHC, Oliveira WA, Garcia JT, Santos MA. Doença crônica e religiosidade/espiritualidade durante os estágios iniciais da pandemia de COVID-19. Estud. psicol. 2022; 39:e200230.

Luiz MC, Silva FC, Bengtson CG. Análise do discurso nas pesquisas em ducação: perspectivas foucaultianas. Rev Elet Educ. 2019; 13(2)25-437.

Imanishi HA. Metáfora e significação: a construção de sentidos em análise. Ágora. 2021; 24(3):11-19.

Mello-Lima L, Marin Arraiza P. Análise do Discurso de Matriz Francesa enquanto polo técnico na pesquisa em Ciência da Informação. Investig Bibl. 2019; 33(79):67-81.

Pereira SPM. Da linguística à análise dialógica do discurso: contribuições para os estudos da linguagem. Rev Ribanceira. 2017; 17(8):18-39.

Azevedo AF. Sentidos do corpo: metáfora e interdiscurso. Ling. (dis)curso. 2014; 14(2):321-35.

Brandão HHN. Introdução à análise do discurso. 2 a ed. Campinas: Unicamp. 2004.

Medeiros ACR, Vitorino BLC, Spoladori IC, Maroco JC, Silva VLM, et al. Sentimento materno ao receber um diagnóstico de malformação congênita. Psicol Estud. 2021; 26: e45012.

Debra Brasil. O que é EB? Santa Catarina: Debra Brasil. 2018. Disponível em: <https://debrabrasil.com.br/o-que-e-eb/>. Acesso em 04 fev 2024.

Barbosa NG, Silva CB, Carlos DM, Brosso L, Levada AF, Okido, ACC. School inclusion of children and adolescents with epidermolysis bullosa: the mothers’ perspective. Rev Esc Enferm USP. 2022; 56:e20220271.

Silva CB, Okido ACC, Carlos DM, Wernet M, Barbosa NG. Vivências de mães no cuidado a crianças e adolescentes com epidermólise bolhosa. Esc Anna Nery. 2023; 27:e20220231.

Publicado

12-06-2024
Métricas
  • Visualizações 0
  • pdf downloads: 0

Como Citar

RAPOSO, B. M. .; DONOSO, M. T. V. .; WERLI, A.; MATTOS, S. S. de. Mãe de criança com epidermólise bolhosa: um olhar na perspectiva da análise do discurso. Revista Recien - Revista Científica de Enfermagem, [S. l.], v. 14, n. 42, p. 340–351, 2024. DOI: 10.24276/rrecien2024.14.42.340351. Disponível em: https://recien.com.br/index.php/Recien/article/view/845. Acesso em: 12 jul. 2024.