Memória de pessoas idosas que cuidam: vivências e desafios do cuidar

Maykon dos Santos Marinho, Arianna Oliveira Santana Lopes, Alessandra Souza de Oliveira, Thaiza Teixeira Xavier Nobre, Layanne Christinne dos Passos Miguens, Luciana Araújo dos Reis

Resumo

Este artigo apresenta os resultados de uma pesquisa qualitativa, analítico-descritivo, cujo objetivo foi analisar a memória de pessoas idosas que estão na condição de cuidadoras de idosos dependentes em domicílio. Participaram da pesquisa trinta pessoas idosas cuidadoras assistidas pelo PAMDIL. As memórias foram analisadas por meio do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC). O DSC revelou que o ato de cuidar provocou a reorganização da vida familiar. Todas as pessoas idosas que cuidam referiram mudanças em suas vidas quando passaram para a condição de cuidadoras. As alterações mencionadas estão relacionadas à falta de tempo para o exercício de atividades sociais, problemas econômicos devido ao aumento de gastos e sobrecarga física. Concluiu-se a partir das memórias, foi possível conhecer a realidade, as vivências e desafios das pessoas idosas, a partir do momento que passaram a estar na condição de cuidadoras.

Descritores: Memória, Cuidador, Idoso.

 

Memory of elderly that care: experiences and challenges of caring

Abstract: This paper presents the results of a qualitative, analytical and descriptive research, whose objective was to analyze the memory of elderly people who are caregivers of dependent elderly at home. Thirty elderly caregivers assisted by PAMDIL participated in the research. Memories were analyzed using Collective Subject Discourse (CSD). The DSC revealed that caring led to the reorganization of family life. All the elderly caregivers reported changes in their lives as caregivers. The changes mentioned are related to lack of time for social activities, economic problems due to increased spending and physical overload. It was concluded from the memories, it was possible to know the reality, the experiences and challenges of the elderly, from the moment they were in the condition of caregivers.

Descriptors: Memory, Caregiver, Elderly.

 

Memoria de las personas mayores quien cuidan: experiencias y desafíos del lo cuidar

Resumen: Este artículo presenta los resultados de una investigación cualitativa, analítica y descriptiva, cuyo objetivo fue analizar la memoria de las personas mayores que son cuidadores de ancianos dependientes en el hogar. Treinta cuidadores ancianos asistidos por PAMDIL participaron en la investigación. Los recuerdos fueron analizados utilizando el Discurso del Sujeto Colectivo (CSD). El DSC reveló que el cuidado llevó a la reorganización de la vida familiar. Todos los cuidadores ancianos informaron cambios en sus vidas como cuidadores. Los cambios mencionados están relacionados con la falta de tiempo para actividades sociales, problemas económicos debido al aumento del gasto y la sobrecarga física. Se concluyó a partir de los recuerdos, fue posible conocer la realidad, las experiencias y los desafíos de los ancianos, desde el momento en que se encontraban en la condición de cuidadores.

Descriptores: Memoria, Cuidador, Ancianos.

Texto completo:

PDF

Referências

Silva EP, Nogueira IS, Labegalini CMG, Carreira L, Balsissera VDA. Percepções de cuidado entre casais idosos. Rev Bras Geriat Geront. 2019; 22(1):1-8.

Meira EC, Reis LA, Gonçalves LHT, Rodrigues VP, Philipp RR. Vivências de mulheres cuidadoras de pessoas idosas dependentes: orientação de gênero para o cuidado. Esc Anna Nery 2017; 21(2):e20170046.

Aguiar ACSA, Menezes TMO, Camargo CL. Arranjos familiares com pessoas idosas: fatores contributivos. Rev Enferm. 2018; 36(3):292-301.

Pozzoli, SML, Cecílio LCO. Sobre o cuidar e o ser cuidado na atenção Domiciliar. Saúde Debate. 2017; 41(115):1116-29.

Hedler HC, Santos MJS, Faleiros CP, Almeida MAA. Representação social do cuidado e do cuidador familiar do idoso. Rev Katálysis. 2016; 19(1):143-53.

Bosi E. Memória e sociedade: lembranças de velhos. São Paulo (SP): Cia das Letras. 1998.

Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo (SP): Hucitec. 2010.

Marconi MA, Lakatos EM. Fundamentos de metodologia científica. São Paulo (SP): Atlas. 2005.

Valentim MLP. Métodos qualitativos de pesquisa em ciência da informação. São Paulo (SP): Polis. 2005.

Vitória da Conquista (Cidade). Programa de Atendimento Municipal Domiciliar ao Idoso com Limitação - PAMDIL. 2014.

Lefevre F, Lefevre AMC. O discurso do sujeito coletivo: um novo enfoque em pesquisa qualitativa (desdobramentos). Caxias do Sul: EDUSC. 2005.

Halbwach M. A memória coletiva. São Paulo: Centauro. 2006.

Vieira L, Nobre JRS, Bastos CCBC, Tavares KO. Cuidar de um familiar idoso dependente no domicílio: reflexões para os profissionais da saúde. Rev Bras Geriat Geront. 2012; 15(2):255-63.

Garbaccio JL, Tonaco LAB. Características e dificuldades do cuidador informal na assistência ao idoso. J Res Fundam Care. 2019; 11(3):680-686.

Silva et al. Situações vivenciadas por cuidadores familiares de idosos na atenção domiciliar. Rev Enferm UFMS. 2019; 9:1-21.

Carvalho EB, Neri AL. Padrões de uso do tempo em cuidadores familiares de idosos com demências. Rev Bras Geriat Geront. 2019; 22(1):1-14.

Souza JIS, Silva BT, Rosa BM, Garcia EQM, Roque TS. Sobrecarga de trabalho em familiares de idosos em cuidados paliativos. Research, Society and Development. 2020; 9(4):1-15.

Moura KF et al. sobrecarga de cuidadores informais de idosos fragilizados. Rev Enferm UFPE online. 2019; 13(5):1183-91.

Aires M et al. Sobrecarga de cuidadores informais de idosos dependentes na comunidade em municípios de pequeno porte. Rev Gaúcha Enferm. 2020;41(esp):1-18.

Santos WP et al. Sobrecarga de cuidadores idosos que cuidam de idosos dependentes. Rev Cuid. 2019; 10(2):1-11.


Visualizações do PDF:

33 views


Visualizações do Resumo:

115 views

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
Copyright: ©-2014 Revista Recien - Revista Científica de Enfermagem. Todos os direitos reservados.
Tema: Mason Publishing Group. Customizado por: Articloud